Acupuntura JundiaíA acupuntura é um ramo da medicina tradicional chinesa (MTC) e, de acordo com a nova terminologia da OMS – Organização Mundial da Saúde, é um método de tratamento complementar. Foi também declarado Patrimônio Cultural Intangível da Humanidade pela Unesco em 19 de novembro de 2010. A Acupuntura é uma terapia que estimula o próprio organismo a melhorar seu funcionamento e o leva ao equilíbrio (homeostase) através de aplicação de agulhas em pontos específicos no corpo (meridianos). Na Medicina Oriental, quando ficamos doentes, é um sinal de que nosso organismo está em desequilíbrio. Portanto, a Acupuntura tem como objetivo restabelecer a harmonia do corpo através de estímulos nos meridianos (canais de energia). A acupuntura é um sistema que pode influenciar três áreas de cuidados de saúde:

  • Prevenção de doenças;
  • Tratamento de várias condições médicas;
  • Promoção da saúde e bem-estar;

Acupuntura como Tratamento

Embora a acupuntura é frequentemente associada ao controle da dor, nas mãos de um profissional bem treinado tem aplicações muito mais amplas. Acupuntura pode ser eficaz como tratamento único, ou como suporte de outras formas de tratamento,ela é reconhecida na utilização no tratamento de uma ampla gama de problemas médicos, incluindo:

  •  Região cervical e membros superiores: dor miofascial (muscular), ombro congelado, dor crônica do ombro, cervicalgia (dor/rigidez na região do pescoço), osteoartrite cervical, cervicalgia crônica, periartrite do ombro, epicondilite (inflamação dos tendões do cotovelo),  LER/DORT, distrofia simpática reflexa, síndrome de túnel do carpo e dor pós-cirúrgica;
  •  Região lombar e membros inferiores:  lombalgia (dor na região lombar) aguda, lombalgia crônica, ciatalgia (dor ciática), osteoartrose de joelho, osteoartrite de joelho e quadril, fasciite plantar (inflamação na planta do pé/calcanhar), esporão do calcâneo e dor pós-cirúrgica;
  • Dor em geral: dor crônica,  fibromialgia, síndrome dolorosa miofascial, artrite reumatóide, osteoartrite, neuralgia pós-herpética, dor pós-operatória, dor oncológica;
  • Dor de cabeça: cefaléia tensional, cefaléia cervicogênica, enxaqueca, dor crânio-facial, desordens da ATM (articulação temporo-mandibular), neuralgia occipital, e outras dore;
  • Sistema genito-urinário: TPM, dismenorréia (cólica menstrual), cólica renal, cistite intersticial crônica, dor por endometriose, retenção urinária pós-parto, síndrome do climatério, disfunção sexual, instabilidade vesical, dor pélvica crônica, prostatite crônica, prurido vulvar, ejaculação precoce, hemorragia uterina disfuncional;
  • Náusea e vômitos: pós-operatório,  na gestação, por quimioterapia e radioterapia e outras causas;
  • Gastroenterologia: dor na pancreatite crônica, síndrome do cólon irritável, cólica biliar, constipação crônica (prisão de ventre/intestino preso), gastrite, cólica intestinal, e epigastralgia;
  • Face-sinus-boca-garganta: xerostomia (boca seca),  dor facial crônica, dor no pós-operatório odontológico, dores da ATM (articulação temporo-mandibular), desordens de oclusão, dor facial de origem dentária, nevralgia do trigêmeo, paralisia facial periférica, analgesia dentária, rinite e dor;
  • Alergia e imunologia: asma brônquica,  rinite alérgica;
  • Dermatologia: psoríase, eczemas, acne,  alopecia areata, dermatite de contato, eritema multiforme,  neurodermatite;
  • Desordens psiquiátricas: ansiedade causada pela dependência química, alcoolismo e  tabagismo. Enurese noturna, depressão leve, insônia, ansiedade, estresse, hiperatividade em crianças,e  transtornos psicossomáticos;
  • Sistema nervoso: seqüelas de AVC (acidente vascular cerebral), vertigens, zumbidos, dor de neuropatia diabética, espasticidade, distúrbios motores espásticos em crianças (com paralisia cerebral);
  • Saúde da Mulher: Questões relacionadas a menstruação, menopausa, infertilidade , gestação e pós parto;
  • Esporte : Prevenção , melhora do desempenho, reabilitação de lesões;

O tratamento consiste no diagnóstico (igualmente baseado em ensinamentos clássicos da Medicina Tradicional Chinesa) e na aplicação de agulhas em pontos definidos do corpo. Chamados de “Acupontos” que se distribuem principalmente sobre linhas chamadas “meridianos chineses” e “canais”, para obter diferentes efeitos terapêuticos conforme o caso tratado. Também são utilizadas outras técnicas, sendo as mais conhecidas a moxabustão (aplicação de calor sobre os acupontos ou meridianos), e a auriculoterapia. O leque de opções do acupunturista, entretanto, costuma ser bem mais amplo, podendo-se estimular os acupontos e meridianos com os dedos (do in), com o Gua Sha (pente de osso ou de jade), ventosas (ventosaterapia), massagens (tui na) e outras técnicas, como por exemplo a sangria. A explicação clássica chinesa para o funcionamento da acupuntura, é que os canais de energia, chamados de meridianos, são como rios que fluem através do corpo para irrigar e nutrir os tecidos. Uma obstrução no movimento desses rios de energia gera uma estagnação, podendo afetar o próprio meridiano e os demais que se relacionam, impedindo assim um livre fluxo de energia e uma boa nutrição dos tecidos. Os estímulos da acupuntura desbloqueiam as obstruções nas barragens, e restabelecem o fluxo regular, através dos meridianos. O tratamento, portanto, ajuda os órgãos internos do corpo a corrigir desequilíbrios em sua digestão, absorção e produção de energia, e na circulação de sua energia através dos meridianos, restabelecendo assim o equilíbrio, a saúde.

Especialista

Bruna Loschi

Fisioterapeuta formada pela UNESP de Presidente Prudente;
Especialização em Reabilitação pela Unesp de Presidente Prudente;
Pós Graduação em Medicina Tradicional Chinesa, Acupuntura – Escola Brasileira de Medicina Chinesa – EBRAMEC -São Paulo- SP; Formação Formação em Diagnóstico Avançado na Medicina Chinesa- ShenTao – Santo André – SP
Curso Doenças Emocionais e Acupuntura com Philippe Seonneau, Acuterapia Cursos e Treinamentos de Medicina Chinesa- São Paulo -SP;
Formação em Acupuntura Craniana Jiao ShunFa, EBRAMEC Escola Brasileira de Medicina Chinesa – São Paulo – SP;
Formação em Acupuntura Craniana YNSA, EBRAMEC Escola Brasileira de Medicina Chinesa – São Paulo – SP;
Formação em Acupuntura no Tratamento de Questões Emocionais – Escola Brasileira de Medicina Chinesa EBRAMEC – São Paulo – SP;

Entre em contato através do formulário: